Saiba o que você pode fazer para evitar a escassez de água

A água é um dos bens mais valiosos do planeta, uma vez que praticamente todos os seres vivos dependem dela para sobreviver. Por isso, cuidar dela é a melhor forma de cuidar de nós mesmos. Contudo, apesar de sua importância, um problema vem se tornando cada vez mais grave: a escassez de água. 

A escassez de água é um problema que está ligado à falta de manejo adequado e uso sustentável dos recursos naturais. Esse processo, a longo prazo, causa impactos significativos, que podem resultar em crises hídricas severas, como aconteceu no Brasil, São Paulo, recentemente, onde foi adotado o rodízio no fornecimento de água para a população, visando diminuir o consumo e evitar a seca.  

Como podemos evitar uma crise de escassez de água?

Para termos ideia da gravidade da escassez de água, dados da Organização das Nações Unidas (ONU) evidenciam que 2,2 bilhões de pessoas no mundo não têm acesso à água potável.

No século XX, o consumo de água aumentou em 6 vezes. Não à toa, a previsão é de que em 2025 o problema da escassez de água chegue a 52 países, alcançando até 3,5 bilhões de pessoas.

Esses dados só comprovam a importância de hábitos mais sustentáveis, já que a água é um bem vital para nossa sobrevivência. 

Pensando nisso, listaremos algumas dicas valiosas para evitar uma crise de escassez de água severa nos próximos anos.

NÃO lave calçadas e veículos sem necessidade 

O ato de lavar calçadas e veículos na porta de casa é muito comum no Brasil. Contudo, esses hábitos são extremamente prejudiciais, já que água potável é desperdiçada e interfere diretamente no nível das represas.

Tenha em mente que uma pessoa fazendo esse tipo de coisa não interfere muito, não é mesmo? Agora, imagine milhões de pessoas lavando calçadas e veículos sem necessidade? Sem dúvida o impacto é grande. Por esse motivo, evite lavar sem necessidade e busque soluções mais sustentáveis. 

No caso da limpeza de calçadas, experimente reutilizar água da máquina de lavar, entre outras opções. 

Já para lavar os veículos, opte por lava-rápidos que reaproveitam a água ou que possuam outros métodos sustentáveis. 

Tome banhos mais curtos

Os banhos diários são fundamentais para manter nossa higiene, sendo, portanto, essenciais em nossas rotinas.

Contudo, banhos de dez a quinze minutos são mais que suficientes para nos limparmos, tornando-se supérfluo os banhos longos, de quase uma hora. 

Se todos diminuíssem o tempo do banho, sem dúvida alguma teríamos mais água à disposição, evitando novamente crises de escassez de água. 

Escovar os dentes com a torneira aberta

Medidas simples também são ótimas para ajudar na preservação da água. Por isso, um ato simples, como escovar os dentes, pode fazer toda a diferença. 

Então, lembre-se de desligar a torneira enquanto escova os dentes. Sem dúvida, a longo prazo, a quantidade de água economizada será gigantesca. 

Evite jogar lixo em local inadequado e recicle se possível

O lixo que produzimos e descartamos é, sim, uma maneira de contribuir com a escassez da água. Isso porque os resíduos são capazes de acabar com importantes recursos hídricos, como rios, lagos, lençóis freáticos e muito mais. 

Por isso, jamais descarte seu lixo em locais inapropriados; comece também a reciclá-lo, se for possível, pois essa é uma maneira de diminuir a quantidade de lixo. 

What's your reaction?
0Cool0Bad0Lol0Sad

Leave a comment

Bloomin
Bloomin