Saiba por que um hotspot localizado no Oceano Indo-Pacífico está crescendo cada vez mais; descubra quais as consequências desse fenômeno ambiental

Devido à forma como tratamos o planeta nas últimas décadas, presenciamos uma série de fenômenos ambientais nos oceanos, entre eles as alterações climáticas, que são, entre outras coisas, responsáveis pelo aquecimento dos oceanos. 

Já é possível notar que os oceanos têm aquecido a uma taxa média de 0,06°C por década, processo este que se iniciou no século passado. Apesar de parecer uma taxa bem pequena, saiba que os impactos, em contrapartida, são bastante grandes. 

Tal aumento na temperatura nos oceanos é evidenciado por um hotspot – que seria algo com uma “piscina” natural que concentra água mais quente que a água envolvente – presente ao longo dos oceanos Índico e Pacífico Oeste.

Em uma pesquisa recente, com suporte do NOAA, foi possível notar que esse hotspot está ainda mais quente e tem crescido desde 1900.

A importância do estudo no hotspot do Oceano Indo-Pacífico

O hotspot do Oceano Indo-Pacífico estudado é um importante termômetro para entender as consequências do aquecimento global e das mudanças climáticas. 

Afinal, essa “piscina” aquecida em expansão não afeta somente a vida oceânica, uma vez que está provocando mudanças na Oscilação Madden-Julian (MJO), conhecido como o maior elemento da variabilidade intra-sazonal na atmosfera tropical, e nas chuvas regionais em todo o planeta.

Entendendo o aquecimento do hotspot e suas consequência

Na imagem de baixo fica claro o aumento na temperatura

O aquecimento evidenciado pela pesquisa iniciada no século passado foi capaz de identificar que o aumento na temperatura é desigual em toda a região do hotspot, sendo maior no oeste do Pacífico. 

Tal irregularidade cria um contraste de temperatura capaz de aumentar o vento, a umidade e também a energia que formam as nuvens na região, atraindo o ar úmido e quente do Oceano Índico.

Logo, essas mudanças nos oceanos Pacífico e Índico não afetam apenas o clima da região, expandindo-se para o planeta como um todo 

Ou seja, as mudanças no MJO (maior elemento da variabilidade intra-sazonal na atmosfera tropical) afeta a circulação geral da atmosfera, influenciando tudo, como monções, El Niño-Oscilação Sul, ciclones tropicais e outros eventos extremos,tais como tempestades de neve e ondas de calor.

Causa do aumento da temperatura no hotspot

De acordo com o estudo, o crescimento do hotspot está ligado à alteração da precipitação nas estações de inverno/primavera de todo o mundo, causadas pelas mudanças climáticas, que em sua maioria são causadas pelo aquecimento global. 

Como consequência, caso esse processo de aquecimento continue, poderemos ver ainda mais impactos no MJO e nos padrões de chuva de todo o mundo, seja ela em excesso, em pouca quantidade ou por períodos mais ou menos longos. 

Fato é que as consequências para a biodiversidade do planeta não serão agradáveis. 

Gostou do artigo? Então, acompanhe o blog da Máfia do Mergulho para ler mais conteúdo como este. Até a próxima! 

What's your reaction?
0Cool0Bad0Lol0Sad

Leave a comment

Bloomin
Bloomin